Softfocus

Já ouviu falar em Bank as a Platform? Saiba agora como funciona!

O desenvolvimento de tecnologias inovadoras não é uma novidade na sua rotina. Porém, você já ouviu falar de Bank as a Platform? Essa tendência está revolucionando o mercado e aproximando…

Dicas

Compartilhar
bank as a platform

O desenvolvimento de tecnologias inovadoras não é uma novidade na sua rotina. Porém, você já ouviu falar de Bank as a Platform? Essa tendência está revolucionando o mercado e aproximando os concorrentes, que se juntam para criar soluções e atender melhor aos seus clientes.

O seu crescimento é uma consequência da transformação digital, que deu origem ao boom de startups (pequenas empresas de tecnologia) e abalou o domínio das grandes corporações. Ao mudar o foco da sua atuação para o cliente, as instituições financeiras ganham vantagens competitivas importantes.

Preparamos uma explicação sobre Bank as a Platform e os benefícios da sua implementação. Confira!

O que é Bank as a Platform?

O conceito de Bank as a Platform (BaaP), que significa “banco como plataforma”, no português, é o oferecimento de novos serviços digitais dentro do sistema da instituição financeira, o que favorece a experiência dos usuários. O seu crescimento está ligado diretamente à adoção de novas tecnologias no setor.

Nesse sentido, os bancos deixam de oferecer apenas os serviços bancários mais conhecidos, como movimentação de contas e pagamentos de boletos, e oferecem outras possibilidades para o usuário. A consequência é o aumento do valor agregado dos seus serviços e do potencial de receitas.

Essa estratégia é possível por meio do API, que é a integração de sistemas diferentes com o objetivo de facilitar a troca de informações e aumentar a segurança. Na prática, o seu uso serve para conectar empresas com mais agilidade, como a possibilidade fazer login em aplicativos com a senha do Facebook.

Qual a relação entre Bank as a Platform e transformação digital?

O crescimento das fintechs aqueceu o mercado financeiro. Essas empresas oferecem serviços similares, mas são completamente digitais e dispensam as burocracias comuns na hora de abrir uma conta ou de pedir um cartão de crédito. Nos últimos anos, elas começaram a incomodar os líderes do setor.

Porém, na era da transformação digital, essa concorrência é uma oportunidade para os bancos. Em vez de desenvolver internamente todos os serviços, eles podem oferecer APIs para essas startups, que têm a tecnologia na sua veia e são capazes de entregar as soluções ideais para os clientes.

Essa soma de forças é importante para os dois lados, já que a plataforma fica mais completa e nenhuma das empresas perde espaço no mercado. Dentro do aplicativo, o usuário consegue um empréstimo sem complicação, pois a análise de crédito utiliza inteligência artificial e o empreendedor pode oferecer um programa de fidelidade, por exemplo.

[rock-convert-cta id=”9450″]

Quais os benefícios dessa tendência?

As instituições financeiras que desejam ser relevantes nos próximos anos precisam adotar uma estratégia de Bank as a Platform para não perder espaço. Essa tendência acompanha o desenvolvimento das novas tecnologias e traz diversos benefícios, que serão convertidos em resultados positivos se forem bem utilizados. Confira!

Inovação

Estabelecer uma cultura de inovação é mais difícil em empresas consolidadas. Em geral, elas têm processos bem definidos e não permitem grandes margens para novidades. O problema é que a transformação digital avançou com tudo no mercado e a forma mais viável para acompanhá-la é fazer parcerias.

As pequenas empresas são enxutas e desenvolvem soluções com rapidez, porque têm menos níveis hierárquicos e mais liberdade para experimentar. O segredo é usar o tamanho e a capacidade de investimento dos bancos em união com essa eficiência das startups para potencializar os serviços.

Criação de novos produtos

Se você é dono de uma empresa de bebidas, por exemplo, é difícil ter uma boa produção de todos os tipos existentes. O mesmo ocorre nos bancos: como oferecer todos os serviços de que os clientes precisam sem ter uma grande equipe ou orçamento ilimitado para inovação? O BaaP ataca justamente esse problema.

A solução é abrir o seu sistema para que outras empresas utilizem e desenvolvam produtos em conjunto. As possibilidades vão além dos serviços financeiros comuns e incluem seguros personalizados e soluções de pagamento por aproximação ou QR-code, entre outras. Com isso, mais usuários utilizarão a sua plataforma, o que é revertido em receita.

Evolução dos bancos

Ir a uma agência só para habilitar um produto é custoso e não contribui para a satisfação do cliente. O principal ensinamento dos bancos digitais é que é possível oferecer os mesmos serviços na palma da mão e que as altas despesas com estrutura física podem ser substituídas por investimentos em tecnologia.

A evolução aparece no omnichannel, ou seja, na conexão entre os diferentes canais que a instituição está presente (site, aplicativo, redes sociais) e em uma gama de serviços mais sofisticados e personalizados, que podem utilizar IA e machine learning para se relacionar com o cliente e resolver as suas dores.

Experiência do usuário

Você provavelmente já ouviu falar em User Experience (UX). Esse conceito é o desenvolvimento de estratégias para melhorar a experiência do cliente durante o relacionamento com a empresa. No banco, ele pode aparecer na melhora da usabilidade do aplicativo, com menus interativos e conteúdo intuitivo.

Quanto mais problemas o usuário puder resolver dentro da sua plataforma, mais satisfeito ele ficará. Por isso, o BaaP é uma estratégia para reter e fidelizar os seus consumidores, com maiores opções dentro do sistema e capacidade de acessar tudo sem complicações.

Segurança

O Blockchain ficou conhecido pelo crescimento do Bitcoin, uma moeda virtual que vale acima de R$40 mil. Porém, essa tecnologia é uma solução de segurança que despertou a atenção do mercado financeiro e tem a capacidade de coibir a ação de hackers e manter os dados pessoais mais protegidos.

No caso dos APIs, as empresas podem definir quais informações serão compartilhadas com os terceiros. Ao mesmo tempo, essas parcerias podem combinar tecnologias e entregar transações mais seguras, com o uso do Blockchain, ou mesmo criar formas de pagamento mais avançadas para transações financeiras.

Depois dessas explicações, é possível que você tenha dúvidas sobre como aplicar o Bank as a Platform na sua cooperativa ou instituição financeira. A dica é criar uma estratégia para a transformação digital e buscar os serviços de outras empresas para compor o seu portfólio, sempre com foco em inovação e na experiência do seu cliente.

A tecnologia tem a capacidade de impactar diversos produtos dentro de uma empresa. Veja como escolher o melhor crédito rural para você conseguir recursos para o seu negócio!